Mais uma crônica de Frei Hildebrando – datada de 11 de junho de 1983

Meus prezados Rádio Ouvintes:

Pessoas há, que sentem terrivelmente tentados a frustrar todo o seu futuro – só porque, no passado, passaram uma grande frustração.

Meus Amigos: Uma falta no passado, não deve por em choque a visão bela do futuro. Assumamos, ajudados pela força de Deus, o que de ruim aconteceu, e vamos com coragem e decisão, à conquista do futuro.

Nem tudo está perdido! Deus ajuda, a quem n’Ele confia plenamente.

Pessoas há, que só ficam pensando nas ofensas – nas ingratidões – nas incompreensões do passado. Não se sentem mais capazes de vencer as dificuldades do presente, porque se julgam totalmente arrasados.

Não nos fixemos só no passado! Todo futuro está ainda aí, para nos realizarmos.

Não percamos mais nem um minuto em vãs divagações. Não desgastemos as nossas energias em coisas que ninguém, nem o próprio Deus vai apagar. As coisas do passado já passaram.

Importa: acolher as coisas futuras.

Viver bem o presente e o futuro! – isso é que agora unicamente importa!

Meus Amigos: Imitemos um pouco a criança. A criança não perde tempo em remoer o passado; não reprisa os fatos e acontecimentos de ontem, vive todinha para o presente, e olha com otimismo, o dia de amanhã.

O capítulo der amanhã será muito superior ao de hoje. Os erros de ontem servem de lição e alerta para o futuro.

NADA de desânimo!… por Ter perdido um dia no ano; teremos 364 dias de recuperação – de paz – de felicidade!

Meus erros servirão de pontos de meditação – de retorno ao bem e à paz.

364 dias de paz, de esperança, superarão completamente um dia de azedumes.

Meus Amigos – olhemos o FUTURO com otimismo e esperança!

Tendo dito!

Esta entrada foi publicada em Crônicas e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>