Crônica de Frei Hildebrando – datada de 16 de julho de 1983

Meus prezados Rádio Ouvintes:

Sim – a história do mundo, repousa sobre uma pequena e simples palavra – palavra poderosa – abrangente – transformadora – palavra com ressonância no ALÉM.

E essa palavra foi, o Todo-Poderoso: “FAÇA-SE” – que Deus pronunciou, e fez surgir a Terra, com todas as suas maravilhas.

E, o segundo FIAT – “FAÇA-SE”, assinala o nascimento de Cristo, no regaço sacrossanto de Maria, desenhando horizontes de esperanças; após milênios de espera e expectativa – uma estrela vai brilhar nas colinas de BELÉM, – É O DEUS MENINO – O DEUS CONOSCO!

Pela terceira vez, ecoa a palavra “Faça-se, e desta vez, na noite caliginosa do Getsémani, quando Jesus, agoniza, no Horto das Oliveiras – e essa palavra: “FAÇA-SE”: projeta, ao mesmo tempo, luz sobre o mistério da dor dos sofrimentos – da contradição. E, dizia mais tarde, o divino Mestre: “O grão de trigo deve primeiro morrer, para produzir frutos, para produzir searas”. Sim, meus Amigos, “A RESSURREIÇÃO, passa pelo CALVÁRIO.

Pois bem, meus prezados Rádio Ouvintes – o quanto “FAÇA – FAÇA-SE A VOSSA VONTADE, SENHOR – somos nós que rezamos ao longo da vida e é o PRIMEIRO DEGRAU na escalada da nossa santificação.

Sim, meus prezados Ouvintes – SER SANTO… é apenas isso: buscar a vontade do PAI celeste, sempre e em tudo; Nas horas do FÁCIL e do DIFÍCIL… nos momentos bons e nos instantes de crise – de desencanto… do compromisso áspero… do desafio angustiante… da noite interior.

O sonho da paz, da alegria e da felicidade, continuará eterno sonho, enquanto não encaixarmos projetos… lutas… trabalhos e vida, na vontade de Deus.

Meus Amigos – Projeto – vida que não enxerta em Cristo, desgarra do original… e o que poderia ser glória e realização, vira caricatura – orquestra desafinada – planeta à beira do abismo – descaminho – mutilação.

ROBERTO ROSSELLINI, cineasta ateu, até ele disse:

“Os nossos problemas são tão complexos, que estamos numa verdadeira torre de Babel – rodeados de confusão! A época atual é um mundo em tempestade, cujos faróis são: PASCAL – SÃO FRANCISCO – SANTO AGOSTINHO – Joana D’Arc e, naturalmente JESUS CRISTO”.

Tenho dito.

Esta entrada foi publicada em Crônicas e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>